maio 16, 2010


A pensadora – Escultura inacabada de Auguste Rodin (Modelo: Camille Claudel)

A small infinite
Drops down inside
A bulky empty jar


Tão precário infinito
A escorrer para dentro
Do imenso jarro vazio



(Beto Palaio)

7 comentários:

Regiani Moraes disse...

A alma enfim transborda!
Amei!

BETO PALAIO disse...

Lindo isso, Rê...

Nydia Bonetti disse...

Beto, teus haicais são belos ao infinito. Acho que vou regar minhas begônias inventadas com este jarro, posso? :)

O litteratour está lindo. Beijos.

Luiza Castro disse...

Que linda! Essa eu não conhecia. Tive o prazer de ver algumas obras dele quando viajei em janeiro. Essa noite sonhei que você me ligava e falava de algum texto meu ...rs! Beijo, Beto =)

BETO PALAIO disse...

Vocês são tão lindas, nem sei se mereço tanta delicadeza de pessoas tão carinhosas como vocês...

Claro, Nydinha. Meus versos são verde claros perto dos teus que são de carmins intensos...

Luazinha, este teu sonho está pedindo para a gente escrever juntos novamente... Já pensou o que seria o Ele & Ela hoje? Se quiser sonharemos juntos um Ele & Ela Dois... Olha só o título já me deixa ouriçado para começar...

Jodi MacArthur disse...

A succulent duo. A toast to you both and the tastes of love.

BETO PALAIO disse...

Jodi,
So nice you liked it.
We´re waiting for that "tastes of love" translated into a Haiku...
I know it will be great.

Besitos